Categoria: Viagens

Intercâmbio

Como organizar um intercâmbio + checklist

fevereiro 06, 2017por 0

Como organizar um intercâmbio - guia passo a passo

Fazer um intercâmbio é o sonho de muitas pessoas e assim como era o meu. Em 2012, tive a oportunidade de realizar esse sonho e me mandei para Boston, nos EUA, para estudar inglês por 5 meses. Foi uma das melhores experiências da minha vida? SEM SOMBRA DE DÚVIDAS.

Por isso estou fazendo esse post: para te ensinar como organizar um intercâmbio passo a passo, te ajudando como fazer tudo isso da melhor forma.

1. Escolha um lugar para o qual você sempre quis ir

Você tem algum país que sempre quis conhecer, mas nunca teve oportunidade de ir? Que tal escolhê-lo como o destino do seu intercâmbio? Aí ao mesmo tempo que você conhece o país dos seus sonhos também tem a experiência da sua vida. Nada mal, né?

Pesquise bastante antes relatos de pessoas que vivem lá para você saber tudo em detalhes em relação a qualidade de vida, gastos e clima. Todas essas informações serão muito importantes para você decidir pelo melhor lugar para ir.

2. Saiba o que você quer fazer lá

Você quer ir para estudar inglês, fazer universidade ou um curso profissionalizante? Ou quer unir estudos e trabalho? Tudo isso precisa ser decidido pois cada um desses tipos de intercâmbio tem duração e valores diferenciados, então tenha certeza daquilo que você quer fazer.

3. Agência ou independente?

Quando fiz meu intercâmbio em 2012, eu fui pela CI Intercâmbio e foi uma ótima experiência. Se você tem contatos no país para onde você vai e se sente seguro em organizar tudo sozinho, go independent. Agora, se você não se sente tão seguro assim e tem medo que algo dê errado, recomendo que você contate uma agência.

4. Onde ficar?

Todo mundo sabe que eu sou bastante a favor de casas de família durante um intercâmbio (aqui eu conto o motivo), mas existências várias formas de hospedagem além desta: apartamento alugado, dormitório estudantil, campus.. tudo depende do que você vai fazer durante o intercâmbio.

5. Comprando as passagens

Aqui no blog eu fiz um post falando de dois sites que eu recomendo DEMAIS para comprar passagens super em conta. Além deles, eu recomendo também o SkyScanner que te dá alertas de preços de passagens para o destino que você quer ir.

6. Não pode deixar de levar

Não esqueça seu passaporte (tem gente que chega no aeroporto e vê que esqueceu!), documentos de visto (cada país tem sua burocracia, então é bom pesquisar bastante sobre isso também), remédios e receitas, dinheiro e cartão Travel Money (que é um cartão de débito que possui taxas menores e que pode ser recarregado aqui do Brasil). Além de uma boa câmera fotográfica, estes são os itens que ninguém pode deixar de levar.

7. E não esqueça da sua checklist de intercâmbio!

Como organizar um intercâmbio - guia passo a passo

Para te auxiliar no seu intercâmbio, criei uma checklist para você usar e te ajudar a se preparar bem para essa experiência que tem tudo para ser a melhor da sua vida e ainda não esquecer nada na mala! Basta deixar seu nome e email abaixo que o link para download irá direto para a sua caixa de entrada.

Beijos e boa viagem!

postado por em 06/02/17
Dicas para a sua viagem

3 coisas que você não pode deixar de fazer em Boston

outubro 18, 2016por 0

Quando fiz intercâmbio em Boston, em 2012, eu logo me apaixonei pela cidade. Ela é uma cidade estudantil, centro das melhores universidades do mundo (Harvard e MIT), pertinho de Nova York e cheia de lugares lindos para se visitar.

Se você está planejando ir à Boston, como alguém que morou lá por 5 meses, quero te indicar 3 coisas que você não pode deixar de fazer em Boston e que eu acho que você vai adorar.

Clique aqui e confira a série sobre intercâmbio.

Fazer a Freedom Trail

3 coisas que você não pode deixar de fazer em Boston

A Freedom Trail nada mais é que um passeio pela cidade, mas feito de uma forma diferente: saindo da Boston Common (a praça principal de lá sobre a qual já já eu falo) ela é feita através de um caminho de tijolinhos vermelhos no chão que cruzam a cidade.

Você pega o mapa na Boston Common e a partir do marco inicial você começa sua peregrinação. É maravilhoso porque em uma manhã você conhece lugares lindos da cidade, tudo a pé, praticamente de graça e acaba se deparando com lugarzinhos que só se conhecesse fazendo passeios assim.

Um passeio na Boston Common

3 coisas que você não pode deixar de fazer em Boston

É a praça principal de Boston e um dos lugares para onde eu mais amava ir. Na primavera as flores desabrocham e a praça fica um colorido só. É ótimo para você que curte um lugar mais tranquilo no meio da cidade.

Ah, e ela ainda é perto de várias lojinhas ótimas para fazer aquelas compras básicas. Então vale a pena dar uma caminhada nos arredores da Boston Common e visitar esses lugares.

Tour pelo campus de Harvard

3 coisas que você não pode deixar de fazer em Boston

(Não reparem na foto da pessoa com a cara redonda e óculos diferente rs)

Já que você está em Boston, que tal aproveitar e conhecer uma das melhores universidades do mundo? O campus de Harvard fica na estação Harvard Square, na linha vermelha do metrô, e é a coisa mais linda. Quando eu visitei por lá, eu fiquei só me imaginando estudar naquele local e viver todo aquele ambiente acadêmico.

E aproveite também e conheça o MIT, o Instituto de Tecnologia de Massachussets, também uma das melhores universidades do mundo e com uma campus de tirar o fôlego.

Gostou das dicas? Essas são as coisas que eu acho que você deveria fazer em Boston sem falta. Tenho certeza que assim como eu, você vai se apaixonar pela cidade. <3

postado por em 18/10/16
Dicas para a sua viagem

3 dicas importantes para viajar sozinha

outubro 11, 2016por 0

Depois de fazer intercâmbio eu percebi que dá demais viajar sozinha e aproveitar ao máximo cada momento. Quem disse que só homem pode ir sozinho e que mulher só pode ir acompanhada de alguém? Bullshit! rs Eu vou te dar aqui 3 dicas importantes para você que quer viajar sozinha pela primeira vez, mas ainda tá com um pé atrás.

Acesse também: Como fazer uma viagem mais econômica (em todos os aspectos)

Pesquise sobre o lugar para onde você vai

É importante conhecer bem a cultura do lugar bem como a forma de se locomover por lá. Faça uma pesquisa minuciosa sobre os lugares importantes para conhecer, como pegar transporte público e o que mais tem de diferente no destino para onde você vai viajar sozinha, assim quando chegar lá, você não vai se sentir tão perdida.

Evite andar sozinha em lugares pouco movimentados e escuros

Não queria estar dando essa dica, mas no mundo em que vivemos e em vários lugares, pode ser bastante perigoso para mulheres andarem sozinha à noite. Por isso, evite andar só em lugares escuros e pouco movimentos. Não queremos dar sorte ao azar, né? Se tudo der certo, em breve teremos um mundo onde as mulheres poderão ser mais livre para explorá-lo do jeito que quiser e sem se preocupar.

Aproveite para conhecer pessoas locais

Existem alguns grupos que marcam encontros como no CouchSurfing e no MeetUp para conversarem e conhecerem pessoas novas. Essa é uma ótima oportunidade para conhecer moradores locais e, se você tiver indo para um lugar que fale outra língua, praticar um novo idioma.

Essas são minhas dicas de hoje. Eu particularmente prefiro viajar acompanhada, mas viajar sozinha e estar aberta a conhecer pessoas novas a qualquer momento no local com certeza é uma experiência única.

Você gosta de viajar sozinha?

Beijos e até a próxima!

postado por em 11/10/16
Dicas para a sua viagem

Como fazer uma viagem mais econômica (em todos os aspectos)

setembro 27, 2016por 0

Fazer uma viagem mais econômica é tudo o que a gente que ama explorar o mundo mais quer. Eu costumo sempre estar pegando dicas em blogs e canais no Youtube sobre viagens e com base nas informações que coletei e em tudo o que eu aprendi até agora com as viagens que fiz, eu resolvi criar esse post e te passar tudo o que sei para você economizar em cada aspecto e fazer uma viagem mais econômica.

Passagem

Para economizar com passagens, eu te recomendo estar sempre de olho no Google Flights e no app SkyScanner, que são ferramentas ótimas que te dão passagens bem baratas para o local que você quer ir. Te recomendo também os sites Melhores Destinos e Passagens Imperdíveis que, ao assinar a newsletter deles, você recebe diariamente as promoções do dia.

Hospedagem

Fiz um post aqui no blog contando como economizar com hospedagem e não gastar rios de dinheiro com isso (já que essa parte costuma ser bem cara). Considere ficar com hostels ou apartamentos alugados pelo AirBNB pois eles podem te fazer economizar bastante dinheiro.

Veja também: 4 dicas para uma viagem mais tranquila e confortável

Turistando

Pesquise sobre a cidade que você está indo, saiba bem os pontos turísticos que mais você quer ir e faça um itinerário para cada dia da viagem. Além disso, veja os lugares que você pode visitar de graça e faça o que puder a pé ou de transporte público.

Compras

Procure no Google os melhores lugares para fazer compras mais baratas na cidade (como de souvernirs, por exemplo). Quando fui ao Chile pesquisei bem lugares onde eu poderia comprar lembrancinhas mais em conta e os blogs de viagem me ajudaram muito com isso.

Alimentação

Você pode sim, tirar um dia ou outro para comer em um restaurante mais bacana, mas sempre que possível procure comer nessas barraquinhas de rua ou em restaurantes mais em conta. Vale também, se você estiver hospedado em apartamento ou hotel com cozinha, ir ao mercado e fazer sua própria comida. Essa dica vai te ajudar bastante a economizar.

Acesse também: Descubra quanto você vai gastar na sua próxima viagem

Essas são as dicas de hoje. Espero tê-los ajudado ao máximo para a sua próxima viagem. <3

Qual dica especial você tem para dar a outros viajantes?

postado por em 27/09/16
Intercâmbio

Como foi minha experiência com a CI Intercâmbio

setembro 22, 2016por 1

Organizar um intercâmbio, se não for feito corretamente, pode acarretar em vários problemas durante a viagem e pode acabar prejudicando a que seria a melhor experiência da sua vida. Em 2012, quando decidi ir para Boston, eu contatei várias agências de intercâmbio, mas a CI Intercâmbio acabou sendo a que mais me chamou a atenção.

A CI Intercâmbio me ajudou bastante na organização da minha viagem e sempre recomendo bastante conversar com uma agência quando você estiver pensando em estudar fora, porque eles te dão toda a assistência necessária, principalmente quando você está fazendo isso pela primeira vez e não sabe bem pode onde começar.

No vídeo eu falo com um pouco mais de detalhes sobre como foi a minha experiência com a CI Intercâmbio e os motivos de eu achar que a assistência de uma agência é importante para que sua viagem seja da melhor maneira possível.

Clique para assistir ao vídeo

Outros post da séries de intercâmbio:

postado por em 22/09/16
Dicas para a sua viagem

4 dicas para uma viagem mais confortável e tranquila

setembro 16, 2016por 0

Ter uma viagem mais confortável, principalmente para quem costuma viajar bastante é tudo o que mais se quer, né? Por exemplo, dormir em avião não é a coisa mais confortável do mundo, mas quando se dá um jeitinho, a gente até que consegue tirar um bom cochilo.

Baseado nas viagens que faço, resolvi gravar esse vídeo dando 4 dicas de como tornar sua viagem mais confortável e tranquila, para que você possa chegar ao seu destino com muito amor e paz no coração. rs

Acesse também: Dicas para a sua viagem

Dicas mencionadas no vídeo:

  • Faça check-in online
  • Use roupas confortáveis
  • Leve meias
  • Leve um travesseiro de pescoço

Tem alguma dica para nos ajudar a viajar mais confortável?

Beijos e até a próxima!

postado por em 16/09/16
Intercâmbio

5 motivos porque a casa de família (homestay) é a melhor opção

setembro 08, 2016por 2
5 motivos porque a casa de família (homestay) é a melhor opção

Minha casa em Boston

Uma das opções de hospedagem que você pode ter durante o intercâmbio é a famosa casa de família, ou homestay, e na maioria das vezes é uma opção mais barata do que as outras e você consegue viver a experiência de morar em uma casa local e conviver com a cultura do lugar.

A partir do meu segundo mês de intercâmbio, eu resolvi mudar da residência estudantil para a casa de família e posso dizer que foi uma das melhores decisões que pude ter tomado. No vídeo conto um pouco mais sobre como foi morar lá e os motivos de eu ter gostado tanto.

Confira todas os outros vídeos e postagens sobre intercâmbio aqui.

Por que a casa de família vale a pena?

  1. Melhor custo x benefício
  2. Privacidade
  3. Mais liberdade
  4. Experiência cultural mais completa
  5. O idioma melhora muito mais

Tem alguma dúvida sobre homestay? Deixa aqui nos comentários!

Beijo!

postado por em 08/09/16
Fotografia // Viagens

6 perfis inspiradores de viajantes no Instagram

agosto 29, 2016por 0

6 perfis inspiradores de viajantes no Instagram

Eu AMO viajar através das fotos de outros viajantes que tem a oportunidade de conhecer o mundo e que estão neste momento explorando um lugar novo e maravilhoso. Sempre que vejo meu feed do instagram eu me transporto para um outro lugar do mundo, sem sair do lugar, e só sonhando com o dia que eu vou ter a chance de conhecer tantos lugares lindos assim.

The Out Bound – @theoutbound

perfis-inspiradores-viajantes-no-instagram-dy-colares-1

Patrick – @moners_

perfis-inspiradores-viajantes-no-instagram-dy-colares-2

German Roamers – @germanroamers

perfis-inspiradores-viajantes-no-instagram-dy-colares-3

Tansu – @swetans

perfis-inspiradores-viajantes-no-instagram-dy-colares-4

Fantastic Earth – @fantastic_earth

perfis-inspiradores-viajantes-no-instagram-dy-colares-5

Jannik Obenhoff – @jannikobenhoff

perfis-inspiradores-viajantes-no-instagram-dy-colares-6

Vai dizer que não dá vontade de pegar o primeiro avião rumo a esses lugares tão lindos? Deus nos abençoe com muito dinheiro pra fazer isso acontecer. <3

Aproveita e me segue no Instagram também. <3

perfis-inspiradores-viajantes-no-instagram-dy-colares-7

Qual o favorito de vocês dessa lista?

Beijos e até a próxima!

postado por em 29/08/16
Dicas para a sua viagem

4 lugares ótimos para conhecer no Chile

agosto 26, 2016por 0

4 lugares ótimos para conhecer no Chile

Tive a oportunidade de visitar o Chile esse ano, um lugar que sempre tive muita vontade de conhecer e olha: apesar de alguns pontos ruins, a viagem valeu à pena. Fiz coisas que não fazia há muito tempo e coisas que sempre tive vontade de fazer. Com certeza, inesquecível. <3

Acesse também: 4 coisas que não gostei no Chile

No vídeo contei mais sobre 4 lugares ótimos que recomendo muito que esteja na sua lista de lugares para visitar no Chile.

Restaurant Ocean Pacific

O Ocean Pacific tem três pontos no Chile, sendo dois na cidade de Santiago e um em Vitacura. É um restaurante temático de coisas marinhas e muito famoso no país. Média de gastos por pessoa: R$100,00.

Valle Nevado / Farellones

São dois lugares ótimos para esquiar, sendo que o Vale Nevado é mais caro tanto para ficar lá hospedado quanto para esquiar. A média de preço por pessoa para esquiar é de 40 a 50 mil pesos (não lembro o valor exato). No Farellones, o ingresso para esquiar custa 25.000 pesos por pessoa e possui uma estrutura muito boa para receber quem vai praticar esporte e quem vai só pra acompanhar.

No caminho de ida para esses lugares, costuma-se parar em locais para alugar roupas de frio e os esquis e snowboards. O kit completo da roupa com calça, casaco, luvas, sapatos para neve, óculos e capacete, custa 30.00 pesos. Os esquis e snowboard saíram por 20.000 pesos cada.

Vale mais a pena alugar todo o kit de roupa mesmo você não indo esquiar, por conta do preço que sai mais em conta alugando tudo.

Monte Dinamo

O Monte Dinamo é um ótimo lugar para quem curte esportes radicais. Lá você pula de bungee jump por 35.000 pesos por pessoa. O lugar é um pouco escondido, então recomendo que veja com cuidado o mapa para você chegar lá.

Dicas extras:

Shopping Costanera

Se você tiver um tempinho extra em Santiago, visite o Shopping Costanera. Além de ficar numa parte ótima da cidade (vale explorar o bairro também, chamado Providencia), lá tem ótimas lojas e com preços muito bons, por incrível que pareça.

Pátio Bella Vista

O Pátio Bella Vista é um lugar ÓTIMO para jantar e passar bom tempo por lá, tomando um bom vinho (para quem curte). Às ruas ao seu redor é cheia de restaurantes com mesinhas na calçada e o Pátio Bella Vista em si é como se fosse uma grande galeria com restaurantes e lojinhas de souvenirs. Eu adorei o local e recomendo bastante!

Feira de Santa Lucia

Eu não pude visitar a Feira de Santa Lucia, mas estou recomendando em nome de um colega que me disse que era ótima. A feira é cheia de lojinhas vendendo souvenirs locais e com ótimos preços (melhores que o Pátio Bella Vista).

Museu de Belas Artes

Eu queria ter tido mais um dia no Chile para poder ter ido conhecer o Museu de Belas Artes, pelo qual me apaixonei só de passar em frente. Todo mundo por lá diz como o museu é lindo e como vale a pena fazer uma visita. Já está na minha lista caso eu tenha a oportunidade de voltar.

Essas são minhas dicas de hoje. A viagem com certeza foi ótima e recomendo bastante para quem procura um destino para conhecer na América do Sul. O próximo lugar que quero conhecer por lá é o Deserto do Atacama.

Qual lugar você quer conhecer no Chile ou qual foi o seu preferido por lá?

Beijos e até a próxima!

postado por em 26/08/16
Dicas para a sua viagem

4 coisas que não gostei no Chile

agosto 19, 2016por 0

4 coisas que não gostei no Chile

Quem me acompanha nas redes sociais, viu que em Julho tive a oportunidade de conhecer o Chile. Fiquei hospedada em Santiago e conheci vários lugares legais por lá. Mas como nem tudo são flores e em uma viagem estamos sujeitos a ter choques culturais, tiveram muitas coisas que me incomodaram e das quais realmente não gostei no Chile.

Só para lembrar: não estou querendo de jeito nenhum ofender a cultura de ninguém. Vou comentar aqui coisas que não gostei no país e que pode acontecer com qualquer estrangeiro que venha visitar o Brasil, por exemplo, e não gostar de coisas daqui também. Normal, ok?

Comida

Além de ser cara (eu comia um arroz com frango e dava R$100 brincando), eu achei a comida lá sem sal e muito simples para um preço tão alto.

Atendimento

Conto nos dedos os lugares pelos quais passamos e nos quais fomos atendidos bem. As pessoas que estavam nos atendendo em muitos estabelecimentos, o faziam com a maior cara feia do mundo e sem vontade de prestar um bom serviço, mesmo que estivéssemos pagando por aquilo. Era nítida a falta de paciência e a cara feia que faziam.

Preços em geral

Se você está planejando em ir para o Chile, prepare o bolso. O turismo lá é bastante caro e como o valor da moeda lá é bem diferente do Real, então acabamos gastando muito sem nem perceber.

Outlet

Uma das coisas pelas quais o Chile é mais conhecido são os outlets que tem por lá. Mas vou te dizer: não vale a pena. Além de ser distante de Santiago e tomar muito tempo da sua manhã apenas para chegar lá, não há muita variedade nem em produtos nem em preços. Para você ter uma ideia, eu encontrei coisa mais em conta no Shopping Costanera (que aliás, recomendo bastante), do que nos outlets.

Mas não se preocupem, porque as coisas ruins não se sobressaíram em relação às coisas boas e aos lugares maravilhosos que a gente visitou por lá. Vai sair post e vídeo falando sobre eles, então fiquem ligados.

Beijos e até mais!

postado por em 19/08/16
Dicas para a sua viagem

Como economizar bastante com hospedagem

agosto 17, 2016por 0

Como economizar bastante com hospedagem

Hospedagem é algo com a qual gastamos muito durante uma viagem, né? Só de pensar em gastar tanto para uma diária de hotel onde muitas vezes você vai só para dormir, já dói no orçamento. Por isso trouxe algumas dicas ótimas de como você pode economizar bastante com hospedagem e diminuir consideravelmente seus gastos.

Airbnb

como-economizar-bastante-com-hospedagem

Acho que esse é um dos sites mais famosos de aluguel de casas e quartos no mundo. Conheço várias pessoas que alugam suas casas e outras que já se hospedaram através do Airbnb e que nunca tiveram problema. O site funciona como um espaço onde o usuário pode colocar para onde quer ir e o período, então o site dá várias opções de casas, apartamentos e até quartos para você alugar. A diferença de preço em relação a hotel é ENORME, principalmente quando se vai ficar muito tempo, e muitas vezes o local é até melhor.

Couchsurfing

como-economizar-bastante-com-hospedagem-2

O Couchsurfing é super conhecido, principalmente por quem faz mochilão e não tem como gastar muito. Nele você pode alugar um quarto ou até mesmo o sofá da casa de alguém por um curto período de tempo. Também conheço algumas pessoas que já hospedaram pessoas e que já foram hospedadas através do Couchsurfing e que deu super certo.

Workaway

como-economizar-bastante-com-hospedagem-3

O Workaway te oferece a oportunidade de se hospedar na casa de alguém de graça e em troca prestar serviços para quem está te hospedando. Por exemplo, você pode ensinar português enquanto você estiver lá. Quem vai dizer o que você vai fazer é a pessoa que vai estar te hospedando, tudo através do sistema do Workaway. Uma amiga hospedou uns franceses na casa dela, em troca eles ensinaram francês para ela. Massa, né?

Hostels / albergues

como-economizar-bastante-com-hospedagem-1

E claro, temos os famosos albergues / hostels. Há quem não goste de se hospedar neles por medo (oi, Mãe!), mas eu acho uma ótima alternativa para quem não quer gastar muito com hospedagem. Enquanto pesquisava para esse post, encontrei o site HostelBookers, onde você pode encontrar vários hostels ao redor do mundo.

Eu acho que a parte mais legal (além de economizar um bom dinheiro) é o fato de você poder conhecer pessoas novas e de diferentes lugares. Então aproveitem essas dicas e considerem alguma dessas opções enquanto planejaram sua viagem, ok?

Beijos e boa viagem!

postado por em 17/08/16
Listas e Dicas // Viagens

3 projetos lindos envolvendo livros e viagens

agosto 15, 2016por 0

3 projetos lindos envolvendo livros e viagens

Livros e viagens são duas coisas que amo muito e quando combinadas ficam melhores ainda rs Eu sempre busquei projetos que envolvessem as duas coisas e durante algumas pesquisas, eu encontrei três projetos maravilindos que te fazem viajar o mundo inteiro através da literatura.

Projeto Viagem na Literatura – Pausa para um café e Universo dos Leitores

Esse é um projeto criado pela Anna do Pausa para um Café e Kellen e Isabela, do Universo dos Leitores. Todo mês elas indicam um país e o quem estiver participando do projeto deve ler o livro de um autor desse país. Eu amei muito a ideia! Esse projeto começou em 2015 e tá rolando até hoje. O país escolhido para o mês de Maio foi a Polônia.

Projeto Lendo o Mundo – Literature-se

Eu sou fã de carteirinha da Mel, do canal Literature-se, e fiquei muito empolgada quando vi que ela tinha criado um projeto chamado Lendo o Mundo, onde o leitor deve fazer uma lista de leitura com obras de cada país e assim viajar o mundo através dos livros. <3

Volta ao mundo em 198 livros – Viaggiando

O Volta ao mundo em 198 livros é um projeto massa da Camila, do blog Viaggiando. Ela é uma viajante de carteirinha e resolveu criar esse projeto para poder conhecer o mundo através da literatura. São 198 livros porque é a soma dos 193 países membros da ONU mais Palestina e Vaticano, além de Kosovo, Taiwan e Saara Ocidental. Show demais, né?

Então já sabe: quer viajar o mundo mas tá o orçamento tá apertado no momento? Participe de um desses projetos e conheça diferentes países e seus autores sem gastar quase nada. Quero ver todo mundo participando!

postado por em 15/08/16
1 2 3